Mais de duas mil pessoas são capacitadas no TCEduc

A 9ª etapa do TCEduc foi concluída em Quixeramobim, nesta quinta-feira (7/11). Foram 1.166 participantes no município, que receberam conhecimentos relacionados à gestão pública. O programa de educação continuada do Tribunal de Contas do Estado do Ceará, realizado por meio do Instituto Plácido Castelo (IPC), já alcançou 16.926 pessoas no interior cearense.

Além de Quixeramobim (cidade-sede), Banabuiú, Boa Viagem, Choró, Ibaretama, Ibicuitinga, Madalena e Quixadá receberam as seis qualificações simultâneas, que foram ofertadas para gestores e operadores dos Poderes Executivo e Legislativo Municipais, membros e ouvidorias, estudantes e sociedade em geral. Durante as visitas, em Limoeiro do Norte e Quixeramobim, 2.017 participantes lotaram os auditórios em que os encontros foram realizados.

O público assistiu, ao longo do dia, aulas desenvolvidas pela equipe de servidores da Escola de Contas, do Tribunal e do Ministério Público do Estado, parceiro do TCE Ceará nas atividades de formação. Os representantes das instituições repassaram conhecimentos sobre legislação e boas práticas.

Os gestores e servidores puderam conferir cursos sobre “Governança nas Aquisições Públicas: Riscos e Controles”, “Controle Interno: Governança, Risco e Compliance” e “Aspectos Relevantes da Gestão Orçamentária no Poder Legislativo”. Para o público em geral foi apresentado o tema “Ouvidorias Municipais: Governança e Humanização no Serviço Público”. Houve ainda ação do programa “Agente de Controle”, voltada para o público estudantil.

Até o final deste ano, a ação pioneira do TCE Ceará, por meio do IPC, terá percorrido 100% do território cearense, com expectativa para contemplar 20 mil participantes.